English Version
Versão Simplificada
 
 
Vestibular
O curso
 
   
 
Objetivos
Curriculo
Áreas de especialização
Normas Acadêmicas

Objetivos

O aluno que optar pela UFMG para cursar Engenharia mecânica encontrará uma formação caracterizada pela forte base científica e tecnológica, primordialmente em áreas que lidam com o desenvolvimento, o acompanhamento e a absorção do setor tecnológico. Além disso, deverá possuir o diferencial de executar tarefas de pesquisa e desenvolvimento em novas tecnologias. O atual currículo do Curso de Engenharia Mecânica da UFMG, implantando a partir do primeiro semestre de 2001, objetiva a formação de Engenheiros mecânicos com perfil de concepção. Com esse perfil o engenheiro deve ser capaz de conceber, projetar, fabricar, montar, manter e operacionalizar dispositivos mecânicos, habilidades inerentes ao exercício da Engenharia Mecânica O currículo visa a formação de um Engenheiro Mecânico com habilidades técnicas, que se caracterizem pela diversidade, atualidade e dinamismo, e com uma visão crítica e ampla a respeito da sua inserção na sociedade. Aqui, o profissional formado terá uma visão global do conhecimento, sem deixar de lado os conhecimentos específicos da Engenharia mecânica.
 
 

Currículo

A grade curricular possui quatro núcleos denominados: Núcleo Fundamental, Núcleo de Ciências Mecânicas, Núcleo de Formação Específica em Engenharia Mecânica e Núcleo de Formação Complementar Aberta. O Núcleo de Formação Fundamental é constituído por disciplinas básicas, todas obrigatórias, das áreas de Física, Matemática e Estatística. 

Visando fornecer ao aluno os conhecimentos básicos necessários para o aprendizado dos conhecimentos específicos da Engenharia Mecânica o Núcleo de Formação Fundamental nas Ciências Mecânicas é constituído por disciplinas contendo os conhecimentos específicos à formação em Engenharia Mecânica, todas obrigatórias, fundamentais à formação de um Engenheiro Mecânico. 

O Núcleo de Formação Específica em Engenharia Mecânica constitui-se por disciplinas contendo os conhecimentos complementares das diversas áreas da Engenharia Mecânica, visa a especialização do Engenheiro Mecânico em uma ou mais áreas. Neste núcleo, o aluno poderá optar por uma trajetória específica cursando disciplinas de uma mesma especialidade 

O Núcleo de Formação Complementar Aberta é constituído, necessariamente, por disciplinas de fora do Departamento de Engenharia Mecânica, contendo conhecimentos em qualquer área do saber; visa a complementar a formação do Engenheiro Mecânico. O aluno poderá cursar disciplinas de uma mesma especialidade dentro de uma ou mais áreas do conhecimento, caracterizando, desta forma, uma trajetória de especialização, possibilitando ao mesmo a obtenção de um Certificado de Estudos. 
 
 

Trajetórias

O curso de graduação em Engenharia Mecânica do DEMEC oferece as seguintes possíveis trajetórias científicas: 
 

  • Aeronáutica (poderá oferecer habilitações específicas exigidas pelo CREA, desde que atendidas suas exigências); 
  • Engenharia Automotiva; 
  • Energia e Utilidades; 
  • Manutenção; 
  • Projeto e fabricação; 
  • Mecatrônica;